MOSTRA

MPB

Projeto cultural que homenageia

as verdadeiras Rainhas e Reis do Brasil

Gilson Rodrigues.
Desde os 25 anos à frente da União dos Moradores e Comércio de Paraisópolis, com um trabalho profundo de mobilização popular, transformou e segue transformando a realidade da favela.

Tchaka.

A drag queen, mestre de cerimônias da pardada LGBTQIA+ da capital paulista, tem 20 anos de carreira dedicados à militância e ao entretenimento, sem descer do salto!

Padre Julio Lancellotti.
Reconhecido por sua atuação há décadas junto à população vulnerável e marginalizada da capital paulista.

fundo tranpa-07.png

Juliana Schiezaro
Encontrou na customização  de tênis velhos e garimpados em brechós uma forma de se expressar,  promover o consumo consciente e incentivar o empreendedorismo
de periferia.

Débora Garofalo
Professora, transformou o problema, que era o lixou de rua, em ferramenta de aprendizagem. Recebeu vários prêmios e foi a primeira brasileira finalista do Global Teacher Prize -

"Nobel da Educação". 

Elinéia Jesus

De riso solto e carisma da cabeça aos pés, é Responsável por uma cooperativa que existe para custear o acolhimento e cuidado de dezenas de usuários de drogas. 

 Adenilson de Moura Santos, o Rei do Karaokê, fez história na noite paulistana. Cego desde os 44 anos, era um devoto da música e tinha o sonho de ser ouvido por mais pessoas.

Nos seus mais de 60 anos de carreira, nossa Rainha Alaíde, aos 85 anos, segue cantando o amor em suas mais variadas formas. Alaíde Costa é parte essencial da história da música popular brasileira.

 
fundo tranpa-07.png

Quem são as rainhas e reis

à nossa volta?

fundo tranpa-07.png

Compartilhe a realeza ao seu redor!

Queremos celebrar as histórias, tão diversas e plurais, que compõem a nossa história. E contamos com você para isso!

Compartilhe a realeza ao seu redor e ajude a compor o mural colaborativo da Monarquia Popular Brasileira. Envie por mensagem sua sugestão ou use a hashtag #monarquiapopBR